Abrir o próprio negócio é o sonho de muitas pessoas, mas tirar a ideia do papel não é uma tarefa fácil. Assim como qualquer outra atividade da vida, é comum cometer alguns erros quando está começando algo novo. Empreender é um grande desafio que exige determinação, conhecimento sobre o mercado e dedicação. Sabemos que a prática é muito diferente da teoria, não é mesmo? Com algumas dicas é possível diminuir algumas dificuldades comuns para quem decide abrir um negócio próprio. Saiba os erros de empreendedores que você não deve fazer, logo abaixo.

Principais erros de empreendedores inciantes

ERRO 1: LANÇAR SEU PRODUTO/SERVIÇO NO MERCADO SÓ QUANDO ACREDITAR QUE ESTÁ PERFEITO

Reid Hoffman, Co-Fundador do Linkedin, tem uma frase bastante famosa no mundo do empreendedorismo. ‘”Se você não está de alguma forma envergonhado pela primeira versão de seu produto, então você o lançou tarde demais’’.

Isso ocorre porque quando temos uma ideia inicial, esperamos o momento certo para poder lançarmos. Neste período, podem ocorrer diversas modificações.

Você não consegue entender o seu cenário porque demorou demais para lançá-lo e, com isso, caso ocorra a necessidade de fazer alterações, pode ficar tarde demais.

Isso pode aumentar a possibilidade dos seus riscos serem maiores, já que, provavelmente, você investiu muito nesse lançamento e fez alterações sem perceber o melhor cenário do seu negócio negócio.

ERROS DE EMPREENDEDORES Nº 2: NÃO DIVIDIR SUAS IDEIAS COM AS OUTRAS PESSOAS

Não dividir suas ideias com outras pessoas por receio de que elas roubem é um problema. Claro, você deve compartilhar com alguém que confie.

Possivelmente, compartilhar ideias e conversar com diversas pessoas, pode fazer com que a sua concepção amplie. Certamente, você vai entender melhor o mercado que vai atuar.

Aliás, nessa troca de informações, podem surgir novas ideias que podem ajudar no desenvolvimento do seu negócio. Críticas construtivas são sempre bem-vindas.

mesa de reunião com vários computadores e pessoas

Foto: Pinterest

ERRO 3: Não testar

Sem dúvida, a sua ideia inicial não é a melhor versão do seu negócio e ela vai sofrer alterações. Neste caso, o teste inicial deve ser feito o quanto antes.

Dessa forma, quando definido o modelo de negócio da sua empresa, logo deve ser feito o teste conceito — essencial para a sua entrada no mercado.

Além disso, o seu negócio precisa estar apto a sofrer modificações conforme a demanda dos clientes e fornecedores.

No Marketing Digital, utiliza-se muitos testes porque o público e o estilo de consumo podem variar. Conhecido como teste A/B, ele divide o tráfego de uma determinada página ou campanha/anúncio em duas versões: a atual e uma versão com modificações.

Depois, será verificado qual das duas versões apresentou maior taxa de conversão. Ou seja, testar é crucial para o seu negócio, já que a partir dele será possível ter um melhor direcionamento.

ERRO 4: NÃO OUVIR A SUA EQUIPE

Sem dúvida, ouvir os seus colaboradores é uma das habilidades necessárias para um bom líder. Portanto, o crescimento do seu negócio depende do quanto a sua equipe está engajada e produtiva.

Por essa razão, ouvir as dores e sugestões de todos é primordial. Essa participação dá uma sensação de pertencimento à empresa e os bons resultados e conquistas passam a ser também da equipe.

Além disto, essa liberdade e troca de informações acelera muito os processos da empresa, já que assim, é possível ter conhecimento de tudo o que está acontecendo e o que pode ser melhorado.

Portanto, pontos de vistas diferentes são essenciais para o crescimento do negócio.

ERROS DE EMPREENDEDORES Nº 5: NÃO TER FOCO

O foco é uma das palavras essenciais no dicionário de um empreendedor. A vontade de fazer tudo de uma vez pode fazer com o que o seu negócio entre em risco.

Além do mais, o foco traz um crescimento ordenado. Para isso, crie um modelo de negócio e utilize-o como guia durante todo tempo.

Faça um planejamento e crie metas a serem alcançadas. Cada resultado positivo aumenta a confiança e a certeza do que vale a pena ter foco.

Duas mulheres trabalhando para ilustrar as empreendedoras

Foto: Pinterest

ERRO 6: NÃO TER PLANO DE NEGÓCIO

O plano de negócio é uma ferramenta de gestão que permite se antecipar dos problemas e erros de empreendedores iniciantes, além de ter mais segurança na hora de tomar decisões.

Com uma visão mais clara, a margem de erro ao longo da jornada diminui drasticamente. Tenha em mente como você vai solucionar a dor do cliente e quais serão os seus diferenciais competitivo.

Ainda, identifique seu público, contate os fornecedores e entenda os riscos que o seu negócio pode sofrer. Planeje a expectativas de faturamento e custos e defina prazos.

Defina onde pretende estar em 3 meses e em um ano. Quais sãos as suas metas e o que você precisa fazer para poder atingi-las?

Com um plano de negócios definido, você sabe o que deve ser feito para alcançar os seus objetivos e onde analisar os resultados.

Se forem positivos, então correspondeu a sua expectativa? Todas essas informações são essenciais para o controle do seu negócio.

ERRO 7: IGNORAR A CONCORRÊNCIA

De fato, não é possível ter um negócio e simplesmente ignorar a sua concorrência. Sendo assim, é primordial acompanhar o seu mercado e sempre estar atento às nossas possibilidades e possíveis concorrentes.

Olhar para o seu concorrente colabora para a evolução do seu negócio, pois é possível identificar as suas estratégias e o desenvolvimento do mercado não fica centrado apenas na empresa.

Porém, isso não quer dizer que você precisa seguir exatamente os passos da concorrência. Observar os seus competidores de forma sadia inclui utilizar o seu conhecimento para tomar decisões inteligentes para o seu mercado.

Contudo, essa observação vai te deixar prevenido com os passos dados da concorrência.

Mulhere em reunião de negócios para ilutrar erros de empreendedores

Foto: Pinterest

ERRO 8: NÃO ESTRUTURAR PROCEDIMENTOS

Entenda que é muito importante que a sua empresa tenha processos claros e definidos, ou seja, definir quem é responsável por cada ação na sua empresa é essencial.

Bem como uma empresa estrutura, o fluxo operacional dela também deve ser. Assim, fica mais fácil e claro em quais pessoas cada colaborador deve se dirigir e resolver problemas.

No início, um dos erros de empreendedores é pedir para uma pessoa executar duas ou mais funções por conta da pouca quantidade de colaboradores, mas conforme o andamento do negócio, é importante que cada um saiba o seu papel dentro da organização e consiga respeitar o fluxo de andamento.

Lembrando: não é porque cada um tem a sua função que não se deve ouvir o outro. A troca de informações é essencial para o andamento da empresa.

Mulher falando no celular para ilustrar a matéria sobre empreendedores

Foto: Pinterest

ERROS DE EMPREENDEDORES Nº 9: CONFUNDIR O FLUXO DE CAIXA

Com certeza, o descontrole do Fluxo de Caixa pode decretar falência ao seu negócio. Isso ocorre porque muitas pessoas confundem os seus documentos com os da empresa.

Além de ferir o Princípio da Entidade que determina a separação do patrimônio da pessoa física e jurídica, você pode comprometer suas finanças.

Por esse motivo, é necessário lançar toda a movimentação que ocorre dentro da empresa. Tudo o que entra e tudo o que sai. Identificar o melhor fornecedor que atenda às suas necessidades, mas que também disponibiliza melhores condições de pagamento é essencial.

ERRO 10: CHEFE PÃO DURO

Necessariamente, você precisa oferecer condições básicas de trabalho para seus colaboradores. Todos devem se sentir confortável no local de trabalho e os materiais utilizados por eles também.

Faça com que as equipes tenhas metas com bônus estabelecidos para serem sempre incentivados porque ser um chefe pão duro é um dos grandes erros de empreendedores.

Além de que, é importante ter datas e eventos que funcionam como ritual. Aqui na Upperbag, por exemplo, temos a sexta-feira com um open de sorvete.

objetos de uma reunião de negócios

Foto: Pinterest

ERRO 11: NÃO APROVEITAR FREE SERVICES

Existem muitas ferramentas para pequenas empresas que tem baixo custo e podem fazer uma grande diferença em sua operação.

As ferramentas que automatizam o disparo de e-mail marketing podem ser uma boa alternativa para fortalecer o seu marketing digital, por exemplo.

Ferramentas que analisam seu site para verificar a rapidez dele na internet, desenvolvedores de chats que podem automatizar as suas mídias sociais, entre outros.

Esse serviços são extremamente importante para empresas em fase de MVP (período de testes) testarem seu conceito de forma mais eficiente.

Definitivamente, automatizar processos pode agilizar tarefas das quais você teria que dedicar um funcionário exclusivamente para essa função.

ERRO 12: SUBESTIMAR O CUSTO DE MARKETING E MARKETING DIGITAL

No mercado, se diz CPA (Custo de Aquisição de Cliente), ou seja, custo para manter uma pessoa comprando em sua loja, mas é comum muitos empreendedores subestimarem esse custo por achar que eles tem uma solução única e eficiente.

Com a tecnologia atualmente, nunca foi tão fácil divulgar os seus produtos. Podemos comprar diversos produtos com outras empresas, mas as compras que acontecem por demanda ativa de cliente são diferentes.

Quando acaba a pasta de dente, uma pessoa precisa ir até a farmácia para comprar, então é questão de necessidade básica.

Para produtos/serviços que não são tão essenciais, como o nosso segmento, é diferente. A pessoa precisa de roupa, mas em tese, ela já tem roupa em casa. A necessidade existe mas não é urgente e nem exata.

Muitos produtos e serviços devem ser divulgados nas redes sociais e no Google. Sendo assim, estar atento às mídias sociais é muito importante.

Não é preciso a melhor agência de Marketing, mas você vai precisar entender como funciona o mecanismo básico do Marketing Digital.

mulher vestida com roupa social

Foto: Pinterest

ERROS DE EMPREENDEDORES Nº 13: NÃO ESTRUTURAR PROCESSOS SELETIVOS

Realmente, no ínicio da empresa você faz tudo, mas se tudo der certo, logo serão 3, 5, 10, 20 e muito mais pessoas e mais atividades.

Quem estará fazendo o quê? Portanto, é preciso organizar o responsável por cada cada área dentro da empresa.

Então, você precisa definir quais as condições para um bom profissional e quais habilidades específicas — até porque o mais importante é ter diploma e conseguir aplicar.

O mínimo que se espera é a pessoa conseguir estruturar raciocínio, resolver problemas propostos, ter noções básicas de profissionalismo e bom senso para enviar um e-mail ou estruturar um documento.

Uma dica é estruturar um teste para validar esse conhecimento. Aqui na Upperbag estruturamos testes iniciais com uma redação e, a partir daí, avaliamos o candidato.

ERRO 14: CAIR EM ENCANTADORES DE SERPENTES

Você começa o grande sonho com muita energia, então logo vê que a sua realidade é difícil. Neste momento, aparecem vários consultores que dizem solucionar seus problemas de Marketing Digital, Design, produtos, finanças, relações públicas e outras áreas.

No desespero, você contrata diversos serviços dos quais você não precisava e gasta o dinheiro que já tinha.

Por isso, mantenha o foco e antes de fazer qualquer decisão importante, procure uma cotação no mercado, converse com outras pessoas e tenha diferentes perspectivas. Nesse caso, mais embasado e seguro, tome uma decisão.

Escritório descolado com pessoas trabalhando

Foto: Pinterest

ERRO 15: COMPARAR DEMAIS COM OUTRAS PESSOAS

Cada pessoa é um ser único, com aptidões, interesses, histórias e ideias únicas. Comparar-se com um terceiro em situações diferentes não vai adiantar em nada.

Tenha pessoas como inspiração para definir seus objetivos, mas elas devem servir de inspiração e não comparação.

ERRO 16 : DESANIMAR AO RECEBER NÃO

Provavelmente, você vai ouvir muitos nãos no começo da sua jornada porque muitas pessoas não vão acreditar no seu modelo de negócio.

Não se deve desanimar com o ‘não’, mas persistir e seguir em frente!

ERROS DE EMPREENDEDORES Nº 17: CONFUNDIR LUCRO COM VALOR

A busca por lucro ou valor direciona diferente decisões e mentalidades dos líderes da empresa. Por mais que sejam fatores que não se afastam, guardam mentalidade bem distintas.

Atualmente, grande parte das gigantescas empresas que dominam o mercado, como a Uber, o Spotify, o Nubank, nunca jamais deram lucro.

Na verdade, nos Estados Unidos, cerca de 80% das empresas abrem suas ações para venda na bolsa, o chamado IPO estão em prejuízos.

Estranho pensar quem financia bilhões de dólares de prejuízo, como a Uber. O fato é que essas empresas não se importam com o lucro.

Elas buscam inflar o seu valor que é definido por diversos critérios, como o tamanho do mercado que atua, concorrência, eficiência e aceitação dos clientes.

Então, para diversas empresas faz sentido aumentar exponencialmente seu atendimento para expandir sua dominação em determinado segmento.

No fim, é questão de quanto você busca arriscar no seu negócio e quanto tempo está disposto a esperar.

mulher falando com outras pessoas em uma sala para mostrar os erros de empreendedores

Foto: Pinterest

ERRO 18: DORMIR DEMAIS

Escolheu empreender? Seu travesseiro sentirá a sua falta! Decisões importantes sempre serão tomadas por você, então não existe feriado ou final de ano.

Saiba que vai ser sempre necessário responder alguma pendência. Fornecedores de todo o tipo vão dar dores de cabeça e a sua equipe depende de você.

Encontre seu equilíbrio, pratique atividade física e cultive o amor, mas dedique ao menos 60 horas por semana para seu trabalho.

ERRO 19: NÃO ADMITIR ERROS DE EMPREENDEDORES

Os erros de empreendedores iniciantes serão muitos. O que vai diferenciar em ser bem sucedido é o aprendizado com esses erros de empreendedores.

Sendo assim, é preciso reconhecer a falha e ter a disponibilidade de resolver tudo da melhor maneira possível. Não é fácil, muitos negócios são criados e fechados por ano.

Procure sempre entender quando você errou ou algum integrante da sua equipe cometeu um erro e o que deve ser corrigido.

Não condene o erro de um funcionário porque isso pode incentivar que outros integrantes possam a esconder algum erro cometido.

O mais importante é permitir e incentivar a sua equipe a aprender com os erros. Assim como você, que mesmo à frente do negócio, também pode cometer erros de empreendedores principiantes.

Não existe fórmula para dizer se um negócio vai dar certo ou errado, mas existem histórias que podem servir de aprendizado e lição para futuros empreendedores.

Persistência e dedicação são essenciais para o seu empreendimento crescer. Hoje, muitas empresas oferecem serviços dos quais fossem perguntados há 5 ou 6 anos atrás, muitos diriam que não daria certo.

A exemplo, temos os apps de músicas que cobram valores para disponibilizar acesso livre a sua plataforma, mesmo que a internet disponibiliza opções para ouvir músicas gratuitamente.

Isso não impediu crescimento desses apps, tanto que até os players de música gratuitos se adaptaram ao modelo criado por eles.

ENTÃO, QUANDO LEVO LANÇAR O MEU PRODUTO/SERVIÇO?

O maior dos erros de empreendedores é lançar no mercado só quando acreditar que seu produto/serviço está perfeito.

Portanto, lançar a sua ideia é uma forma de testar na prática se ela está no caminho certo ou não. Abrir um negócio próprio requer dedicação e ousadia.

Você vai ouvir alguns nãos e provavelmente a ideia inicial irá sofrer modificações. Se você não testar logo, pode ficar tarde demais e até mesmo surgir um concorrente.

Não cometa erros de empreendedores iniciantes! Conte o que achou nos comentários! Entenda o modelo de negócio da Upperbag para você se inspirar e criar o seu novo produto/serviço.